Sites Grátis no Comunidades.net

Total de visitas: 2839337
 
PRECONCEITO E FANTASIAS

 

A sexualidade sempre foi uma fonte de inúmeros preconceitos e fantasias. Muitas vezes os mitos e a repressão sexual criam grandes obstáculos para o exercício saudável do sexo.

É grande o número de pessoas que acreditam nos mitos sexuais. Eles surgem expressando o modo de pensar de uma parte da sociedade e de forma automática são repassados de uma geração a outra sem questionamentos.

Mitos

- Supõe-se que o desejo sexual automaticamente diminua com a idade.

- A mulher tem menos desejo sexual do que o homem.

- Excesso de masturbação pode levar o homem a ter problemas como a disfunção erétil e a mulher, à anorgasmia (não ter prazer).

- É errado ter fantasias sexuais.

- Homem que faz vasectomia ou a mulher que faz laqueadura deixa de ter desejo.

- O homem deve sempre tomar a iniciativa da relação sexual.

- O homem não tem ou não deve expressar certos sentimentos.

- O tamanho do pênis é importante para o prazer sexual da mulher.

- Quantidade de vezes que se pratica sexo é mais importante do que a qualidade.

- Durante o período de gestação, a mulher não pode ter relações sexuais.

- A mulher, ao retirar o útero, deixa de ter orgasmo.

Verdades

- O desejo acompanha o indivíduo do início da vida até a morte.

- O que acontece é que as mulheres ao longo do tempo e nas mais diversas culturas têm sido bastante reprimidas.

- A masturbação é um comportamento absolutamente normal e pode estar presente em qualquer idade.

- As fantasias sexuais são desejos reprimidos, que podem e devem vir à tona na hora do sexo. Devem ser realizadas, mas respeitando a vontade do parceiro.

- O homem, como ser humano, tem sentimentos e o direito de expressá-los.

- O tamanho do pênis, ao contrário do que se pensa, nada tem a ver com virilidade.

Gravidez não é doença

Com a retirada do útero, as respostas sexuais continuam existindo.

Informações erradas rodeiam a sexualidade. Os mitos multiplicam-se proporcionalmente ao desconhecimento, ao medo e às inibições, que levam tantas pessoas a sofrer desnecessariamente. A busca de informações é a maneira mais adequada de lidar com os mitos, e ajuda a recuperar a capacidade de ser feliz sexualmente.

http://enfermagem.no.comunidades.net/imagens/116_1000cb.jpg